Garantia de qualidade em MEDICINA
e SEGURANÇA DO TRABALHO

PCA - PROGRAMA DE CONSERVAÇÃO AUDITIVA

Voltar
PCA - PROGRAMA DE CONSERVAÇÃO AUDITIVA

A Poluição Sonora hoje é tratada como uma contaminação atmosférica. O ruído é um dos “contaminantes” mais comuns, encontrado facilmente em nosso dia a dia em grande parte dos processos industriais e por isso o Programa de Conservação Auditiva é tão importante.

A exposição a níveis elevados de pressão sonora pode causar perdas auditivas irreversíveis e outros danos à saúde em geral.

O ruído tem reflexos em todo o organismo e não apenas no aparelho auditivo. Ruídos intensos e permanentes podem causar vários distúrbios, alterando significativamente o humor e a capacidade de concentração.

Provocam interferências no metabolismo de todo o organismo com riscos de distúrbios cardiovasculares, podendo inclusive tornar a perda auditiva, quando induzida pelo ruído, irreversível.

O que é e para que serve o Programa de Conservação Auditiva

O PCA é um conjunto de medidas que visam a prevenção ou evolução de perdas auditivas nos trabalhadores que atuam expostos a ruídos ocupacionais

Essas ações devem estar em perfeita sintonia com outros programas de saúde do trabalhador.

Objetivos do PCA

Ao proteger os trabalhadores do excesso de ruídos, o PCA cumpre os seguintes objetivos:

Adaptar as empresas às exigências legais;
Identificar funcionários com problemas na audição;
Promover melhoria na qualidade de vida do trabalhador;
Reduzir os custos de insalubridade;
Reduzir o índice de reclamações trabalhistas
Programa de Conservação Auditiva

Obrigatoriedade do programa

O programa Norma Regulamentadora NR 7, Portaria 09/04/98, do Ministério do Trabalho e Emprego no seu quadro II, PARÂMETROS PARA MONITORIZAÇÃO DA EXPOSIÇÃO OCUPACIONAL A ALGUNS RISCOS À SAÚDE, trata do controle da perda auditiva.

Quem pode elaborar o PCA

Segundo o Anexo 1 do Quadro 2 da NR7: 3.3. O exame audiométrico será executado por profissional habilitado, ou seja, médico ou fonoaudiólogo, conforme resoluções dos respectivos conselhos federais profissionais.

Solicite um orçamento

CHAPECÓ/SC

(49) 3323-1604 / (49) 3304-2308

PATO BRANCO/PR

(46) 3235-0204
Médico Responsável: DR. MARCUS VINÍCIUS DA SILVEIRA – CRM 11.464
INSCRIÇÃO DE PESSOA JURÍDICA: CRM 5332/SC